Museu Histórico da Cidade apresenta Programação Infantil

O Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro, na Gávea, comemora 87 anos neste domingo, 11 de julho, com o lançamento do audioguia lúdico “Rio das Crianças”, Tempo em Festa.

Lá no Instagram tem um destaque mostrando o Parque da Cidade e o Museu. Passa lá. @riocomcriancas

O audioguia lúdico “Rio das Crianças, Tempo em Festa” é  protagonizado pelos atores mirins Anna Júlia Costa Gomes (10 anos), Thiago Batista dos Santos (9 anos) e Valentina da Silva Oliveira (10 anos), moradores da Rocinha.

Eles interpretam Lia, Léo e Maíra, que resolvem conhecer a mostra “Rio de Festas, a Cidade como Palco”, em cartaz no Casarão, brincando de esconde-esconde enquanto procuram pistas de uma antiga lenda sobre o nascimento de todas as festas.

A proposta do audioguia é uma visita lúdica pela exposição por meio da literatura infantil, transformando o passeio em uma aventura particular que chega pelos ouvidos.

A conversa dos três amigos traz para cada visitante uma imersão nas fotos antigas e nos objetos do passado.

“O ‘Rio das Crianças, Tempo em Festa’ surgiu de uma experiência própria. Na minha infância, lembro de ir em exposições em que uma das atividades era essa interação por áudio com as obras”, conta a atriz, produtora e contadora de histórias Luciana Zule, que assina a idealização e direção artística da obra. O roteiro foi feito pelo documentarista de TV e cinema Délcio Teobaldo, que morreu em abril deste ano, depois de concluir o trabalho.

“Um recorte da visão das crianças, bem interativo, e que foca em gravuras, em alguns casos com lentes de aumento. Nesse dia, além do audioguia, estaremos lançando ao público o programa educativo do Museu que iniciará em agosto com visitas mediadas e oficinas de arte educação”, comenta o coordenador do Museu da Cidade, Alexandre Valadão Rios.

Para a visita interativa serão disponibilizados 40 fones de ouvido sem fio higienizados, sendo 20 por vez. Estreia neste domingo, dia 11 de julho, às 10h30 e depois, a partir de agosto, todas as quintas e sábados, das 10h às 16h, até outubro, com agendamento dos grupos pelo e-mail equipe@graviolaproducoes.com.br. O audioguia também estará disponível no canal do YouTube do MHC para que outras pessoas possam acessá-lo e acompanhar a exposição.

Exposições temporárias na casa de banhos

O Pavilhão de Exposições Temporárias do Casarão recebe, até maio do ano  que vem, a mostra “Rio de Festas, a cidade como palco”, a partir da coleção do Museu Histórico da Cidade. Inaugurado em 2016, o   imóvel de estilo colonial tem três andares e o Café Épico, com opções de lanche, cestas de piqueniques (nos fins de semana) e seis mesinhas com ombrelone ao ar livre.

O recorte da exposição é uma reflexão sobre o retorno às ruas pós-pandemia e o sentido das festas, por meio dos diversos eventos que a cidade do Rio abriga, dos carnavais às rodas de samba. Estarão expostas 17 peças do acervo (bustos e placas) e mais de 60 reproduções, incluindo textos do escritor, professor e historiador Luiz Antonio Simas. A coleção revela, através das festas, diferentes formas de viver e ver o mundo, ampliando a percepção da cidade e sua história, além de ressaltar a importância do festejo como ato fortalecedor de laços sociais. No complexo também tem uma capela, aberta à visitação sábado e domingo.

Programação extra:

Nos dias 17 e 18 de julho, haverá programação infantil gratuita:

Dia 17 de julho às 10h30m – Histórias e Oficinas que Despertam a Memória: O pescador, o anel e o rei.

Dia 18 de julho às 10h30m – Um Dia no Parque – Conhecendo o Parque da Cidade.

Mais informações:

Evento gratuito

Abertura: dia 11 de julho a partir das 10h30m

A partir de agosto até outubro: toda quinta e sábado das 10h às 16h

*O museu abre para visitação de quinta a domingo das 10h às 16h

Endereço: Estrada de Santa Marinha, s/n – Acesso pelo final da Rua Marquês de São Vicente – Gávea

Receba as novidades da Semana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *